O Que Fazer Primeiro: Emagrecer ou Ganhar Massa Muscular?

Essa é uma dúvida bastante comum: tem que primeiro emagrecer para depois ganhar músculos? Ou o contrário?

Antigamente era comum dizer que você precisava primeiro perder gordura, para depois ganhar massa muscular. Ou “transformar a gordura em músculo” como se dizia.

Mas a coisa não é bem assim, é totalmente possível acontecer as duas coisas ao mesmo tempo!

Como?

O que não dá é para ter o melhor dos dois mundos ao mesmo tempo!

Ou seja, não dá para ter o MÁXIMO de perda de gordura junto com o MÁXIMO de ganho de massa muscular.

Se a pessoa quiser ganhar o máximo de músculos que o corpo dela seja capaz, vai ter que abdicar da perda de gordura.

Se ela quiser perder o máximo de gordura possível, tem que se contentar com, na melhor das hipóteses, manter a massa magra.

Mas se ela tiver:

  • um planejamento de treinos de musculação bem feito, que provoque os estímulos necessários na dose certa, e promova o tempo de recuperação ideal;
  • uma combinação bem dosada de musculação com aeróbicos intervalados (como o HIIT, por exemplo);
  • uma alimentação bem ajustada, que garanta o déficit calórico necessário para perder gordura, mas na dose certa para que o corpo consiga construir músculos;

Ela consegue tranquilamente perder bastante gordura e ainda ganhar massa muscular.

Ganhe músculos PARA perder gordura, ao invés de um depois o outro

Ao invés de pensar no que fazer primeiro, agora que você já sabe que é possível fazer os dois ao mesmo tempo, você ganha músculos COM O OBJETIVO de perder gordura.

E não ganhar primeiro pra perder depois ou vice-versa.

Se a pessoa está buscando emagrecer, a estratégia mais eficiente para isso é justamente ganhar massa muscular!

Por três motivos:

  1. quanto mais músculos no corpo, mais acelerado fica o metabolismo;
  2. o processo de ganhar os músculos em si, chamado de hipertrofia, tem uma demanda energética altíssima! Ou seja, gasta muitas calorias;
  3. Após uma sessão intensa de musculação, seu corpo fica por alguns dias gastando mais calorias do que o normal, mesmo quando você não está fazendo nada.

Então, a estratégia mais inteligente é ajustar o treino de musculação para HIPERTROFIA, aí a perda de gordura vai acontecer através do déficit calórico, e do impacto no metabolismo causado pelos treinos!

E se fizer uma combinação bem planejada com aeróbicos intervalados, a perda de gordura vai ser maior ainda (até 7 vezes!), sem impactar no ganho de massa muscular.

Você sabia disso? Comenta aí!

Compartilhe esse post:
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email